post 111

Cada dia que passa, as academias estão ficando cada vez mais lotadas com um público à procura de resultados imediatos em relação ao ganho de massa muscular e definição. Sabe-se que uma das grandes vilãs neste aspecto é a bebida alcoólica. Alguns estudos relatam os mecanismos pelos quais a ingestão de álcool pode prejudicar os resultados de quem busca hipertrofia e vários comprovam que o álcool por si só causa um prejuízo de 24% nas taxas de síntese proteica mesmo quando se utilizava uma boa estratégia para otimizar os processos anabólicos (ingestão proteica adequada). A síntese proteica é o processo em que os aminoácidos são unidos para formar proteínas, que é o que constitui os músculos. Outros efeitos negativos do álcool foram comprovados nas teses, além de causar a desidratação (ficar desidratado pode comprometer esses ganhos, já que a água tem um papel fundamental na construção muscular), há uma queda nos níveis de testosterona. A testosterona é o hormônio mais importante para a construção dos músculos, e um dos fatores que determina quanta massa muscular uma pessoa pode ganhar é o nível desse hormônio livre no sangue (inibição do GnRH/LH). Com 7 calorias por grama, o álcool também pode ser bem “engordativo”, perdendo apenas para a gordura que tem 9 calorias por grama.

 

O ideal seria a exclusão total da bebida alcoólica da dieta, pois todos nós sabemos dos efeitos negativos do álcool à saúde e em relação aos fins estéticos é prejudicial tanto para quem busca hipertrofia ou para quem deseja perder gordura, mas sabemos infelizmente que é praticamente impossível. Assim, moderação sempre! Recomendo deixar as bebidas alcoólicas para momentos especiais, ao invés de beber todos os finais de semana, lembrando de manter o organismo sempre hidratado e ingerir a quantidade de proteína adequada ao longo do dia.

Compartilhar:

post 108

 

Os ácidos graxos ômega 3, obtidos dos peixes de água fria, já têm seus usos consagrados pela sociedade, pela grande maioria das especialidades médicas, pelos profissionais nutricionistas, etc.

 

Suas propriedades protetoras da membrana celular contra o ataque das espécies ativas do oxigênio, sua potente capacidade anti-inflamatória, entre outras, já são sobejamente conhecidas por todos.

 

Também é do conhecimento de todos a necessidade da reposição dos ácidos graxos ômega 3, pelo fato de serem essenciais, e portanto, não são produzidos por nosso organismo. Além de tudo isto, o consumo de peixes em nosso país é baixíssimo, mal chega a 900g per capita/ano. Comparando com o Japão, cujo consumo de peixes chega a 67kg per capita/ano, é mais do que necessário fazer a reposição dos ômega 3 (EPA + DHA).

 

Falando do uso dos ácidos graxos ômega 3 na infância, a sua importância é tamanha que muitos trabalhos mencionam o seu uso pelas gestantes para melhorar o sistema imune das crianças até os 3 anos de idade. Outros trabalhos citam o benefício dos ômega 3 no desenvolvimento constitucional e mental em crianças até os 7 anos de idade.

 

Acontece que a maioria dos ômegas 3 do mercado não é aceita pelo paladar infantil, isto ainda é aumentado pelo odor desagradável. A Global Nutrition através de sua equipe especializada em desenvolvimento de produtos conseguiu após muito estudo, uma apresentação inédita para o ômega 3 infantil: o ÔMEGA KIDS. O ÔMEGA KIDS foi desenvolvido em cápsulas gelatinosas moles, com 250mg de ômega 3 (18% de EPA e 12% de DHA), em forma de peixinhos e com 4 cores: verde, amarelo, vermelho e azul. Para melhorar a adesão das crianças ao óleo de peixe, as cápsulas são isentas de odor e possuem um sabor cereja que lhes conferem uma agradável palatabilidade.

 

Desta maneira, a Global Nutrition resolveu um problema muito importante na nutrição infantil em nosso país: a reposição dos ácidos graxos ômega 3 em nossa população infantil não só tornou-se viável, mas acima de tudo tornou-se agradável e de fácil adesão pelas crianças de qualquer idade.

 

A Global Nutrition espera que em médio e longo prazo, com o desenvolvimento do hábito da reposição dos ácidos graxos ômega 3 pela população infantil, tenha colaborado com os pediatras e nutricionistas na melhora e manutenção da saúde das crianças em nosso país.

 

Apresentação:

ÔMEGA KIDS – Potes com 90 cápsulas de ômega 3.

Dose sugerida: Tomar 2 cápsulas ao dia ou a critério do médico, nutricionista ou outros prescritores.

 

 

Fonte: http://idealfarma.com.br/ideal/?p=1646

Compartilhar:

post 88

Uma das principais expressões faciais que uma pessoa pode demonstrar é o sorriso, no qual apresenta todas as suas formas de comunicação, sendo ele um cartão de visita de qualquer individuo. Com o mundo repleto de celebridades   com padrões estéticos cada vez mais definidos em busca de uma beleza Hollywoodiana, ocorreu um verdadeiro ‘boom’ pela busca de um “sorriso perfeito” e também aos tratamentos para harmonização da face!

O belo nem sempre é simétrico, mas precisa ter harmonia, ou seja, proporcional.

Existem vários estudos que apontam esta questão, e o mais falado deles é o da Proporção Áurea, que é uma fórmula matemática, utilizada em vários campos, como artes, entre outros, que atua de maneira subliminar no senso estético da pessoa que está apreciando um quadro, e até mesmo um rosto.

A face pode talvez não ser naturalmente bela, mas com a tecnologia disponível hoje, todos os traços podem ser harmonizados através de planejamentos personalizados, feito de acordo com o perfil de cada pessoa. É muito comum a pele perder, ao longo dos anos, elasticidade, hidratação, o que chamamos de “viço”. É notório como um elogio pode mudar o dia de uma pessoa. Afinal, existe frase mais agradável de ouvir como: “nossa sua pele está tão viçosa”, isto significa jovialidade, leveza.

Mesmo as pessoas mais resistentes aos procedimentos estéticos, chegam em um determinado momento da vida que se rendem, mesmo começando com o procedimento que seja apenas para dar aquela aparência de pele “descansada”.

E a grande vantagem destes tratamentos estéticos atuais é em relação à recuperação, cada vez mais rápida.

A mudança pode começar a partir da construção de um novo sorriso, afinal ele abre portas, estreita relações, e ocupa um local de destaque na sociedade. Ele pode ter um papel transformador na vida de uma pessoa. O simples fato de ter uma gengiva exposta, por exemplo, pode causar no psicológico de uma pessoa questões sérias que comprometem outras áreas da vida.

Por causa de todas estas questões que vão muito além da aparência, mas que trabalham com a autoestima, a estética do sorriso, e da face, vem sendo estudada de forma bem ampla pela Odontologia, indo além de procedimentos clássicos como clareamentos, implantes, aparelhos ortodônticos, e avançando para pequenos retoques na face com procedimentos minimamente invasivos e injetáveis, utilizando preenchedores como ácido hialurônico/PRF, e aplicações da toxina botulínica O ácido hialurônico é uma substância encontrada no próprio organismo, e ele atua preenchendo o espaço entre as células, para que fiquem bem hidratadas. Já a toxina botulínica(botox) irá agir em determinados músculos, fazendo com que eles fiquem bem relaxados, equilibrando, consequentemente toda a face.  A Bichectomia, ou seja, a remoção da  bolo  gordurosa  do interior das  bochechas , alem de  combater o mordiscamento interno das  mucosas internas da  bochecha  afina e torna o roto mais agradável na maioria dos casos. Os  fios de sustentação  também  aparecem  como promessa muito  interessante para a harmonia da face . Alem de procedimentos como os peelings químicos, os Skinboostres etc.

A transformação do sorriso caminha junto com a harmonização das linhas faciais, um colabora com o outro no sentido de mudar realmente a vida de uma pessoa. Sentir-se bem interfere em fatos cotidianos, como tirar uma foto. Quantas pessoas já ficaram com vergonha de sorrir, seja por causa de algum detalhe no dente, ou porque estão com uma ruga em um determinado lugar, enfim, são muitos os motivos para darmos cada vez mais abertura aos novos procedimentos, principalmente os menos invasivos, para chegarmos bem na maturidade, com a experiencia que ela traz porem sem as marcas dela no rosto!

Estamos rumo a um novo tempo, onde o bem-estar caminha junto com uma aparência saudável e de atitude jovial!

DR. FÁBIO AZEVEDO

 

 

Compartilhar:

post 85

 

A niacinamida (forma amida da vitamina B3) reduz queratoses pré-malignas de peles fotodanificadas provavelmente através da prevenção da depleção da energia celular UV-induzida e melhora do reparo do DNA celular.

Estudos mostram que a administração oral de niacinamida, 500 mg 2 vezes ao dia por 4 meses, demonstrou reduzir queratoses actínicas pré-malignas em pacientes com fotodano.

  • A aplicação tópica na concentração de 5%, preveniu a imunossupressão UV-induzida.
  • A aplicação tópica na concentração de 1% acelerou a regressão de queratoses.

 

Fotodano: Tratamento Oral. Redução de Novos Cânceres Não Melanoma

A niacinamida reduz queratoses pré-malignas em peles fotodanificadas provavelmente através da prevenção da depleção da energia celular UV-induzida e melhora do reparo do DNA celular. Estudo realizado em queratinócitos HaCaT e pele humana ex vivo demonstrou sua capacidade em melhorar o reparo ao DNA após exposição à radiação UV e arsenito de sódio (Thompson et al., 2015).

 

Estudo 1: Estudo avaliou a administração oral de niacinamida, 500 mg 2 vezes ao dia durante 4 meses, em pacientes com fotodano.

1

Os resultados demonstraram a capacidade da niacinamida em reduzir queratoses actínicas pré-malignas (Surjana et al., 2012).

 

Estudo 2: Uma triagem controlada, duplo-cega e placebo-controlada de fase 3 avaliou 386 pacientes que receberam a administração oral de niacinamida.

2

Os voluntários tiveram ao menos 2 casos de câncer de pele não melanoma nos 5 anos prévios e foram avaliados por dermatologistas em intervalos de 3 meses por 18 meses.

 

Os resultados demonstraram que a niacinamida administrada via oral foi segura e efetiva em reduzir as taxas de novos cânceres não melanoma e ceratose actínica em pacientes de alto risco (Chen et al., 2015).

3

 

Referências

Portilho L, Pacheco H. Niacinamide and Dermatology. Brazilian Journal of Surgery and Clinical Research – BJSCR. Vol.15,n.3,pp.123-129 (Jun – Ago 2016).

Chen AC, Martin AJ, Choy B, Fernández-Peñas P, Dalziell RA, McKenzie CA, Scolyer RA, Dhillon HM, Vardy JL, Kricker A, St George G, Chinniah N, Halliday GM, Damian DL. A Phase 3 Randomized Trial of Nicotinamide for Skin-Cancer Chemoprevention. N Engl J Med. 2015 Oct 22;373(17):1618-26. doi: 10.1056/NEJMoa1506197.

Surjana D, Halliday GM, Martin AJ, Moloney FJ, Damian DL. Oral nicotinamide reduces actinic keratoses in phase II double-blinded randomized controlled trials. J Invest Dermatol. 2012 May;132(5):1497-500. doi: 10.1038/jid.2011.459. Epub 2012 Feb 2.

Thompson BC, Halliday GM, Damian DL. Nicotinamide enhances repair of arsenic and ultraviolet radiation-induced DNA damage in HaCaT keratinocytes and ex vivo human skin. PLoS One. 2015 Feb 6;10(2):e0117491. doi: 10.1371/journal.pone.0117491. eCollection 2015.

Fonte: http://www.ipupo.com.br/Noticia/Post/2086

 

Compartilhar:

post 84

 

Com mais de 98% de teacrina, alcaloide presente em fontes naturais, o TeaCrine é um composto bioidêntico dessa substância. Ele melhora os processos metabólicos naturais do organismo para fornecer energia física e mental, aumento da performance, motivação para o exercício, aumento de foco e concentração além de melhorar o humor, reduzir a fadiga e garantir o desempenho máximo nas tarefas diárias.

 

A cafeína melhora a performance física e mental, por outro lado, é estimulante, aumenta a ansiedade, acelera o batimento cardíaco, altera a pressão arterial, pode causar perda de foco e tolerância.

 

Diferente da cafeína, TeaCrine melhora a performance física e mental, não é estimulante, reduz a ansiedade, não altera a frequência cardíaca nem a pressão arterial, contribui para aumentar o foco e o melhor, não causa tolerância.

Compartilhar:

11637847_10206047012347668_110774983_n

 

Antes de qualquer tipo de cirurgia é necessário uma completa investigação médica, com vários procedimentos e que inclua testes diagnósticos. Parte desta investigação inclui:

 

– História médica completa: doenças, cirurgias anteriores e presença ou não de alguma complicação;

– Existência de algum tipo de alergia e tipo de reação às anestesias anteriores;

– Medicações de uso regular: vitaminas, suplementos de ervas e anticoncepcionais orais. Ou ainda o uso de álcool, tabagismo e outras drogas.

 

Recomendações cirúrgicas são bastante importantes e devem ser seguidas, tais como:

– Parar de fumar;

– Suspender certas medicações que poderiam aumentar o risco de sangramento. Para isso o médico deve ser informado de todo e qualquer tipo de      medicamento ingerido;

– Como será feita a cirurgia? Onde?

 

No dia da cirurgia, não se esqueça do jejum! Isso corresponde a não ingestão de alimentos, bebidas ou quaisquer líquidos.

 

O correto seguimento das medidas pós-operatórias é fundamental para o sucesso de sua cirurgia. Lembre-se ainda de seguir as recomendações relacionadas aos curativos em casa e não se exponha ao sol.

 

 

Dr. Adriano Peduti

Compartilhar:

Pantescal: Nutracêutico inovador natural aos antialérgicos tradicionais
Clinicamente comprovado para aumentos das defesas fisiológicas em indivíduos alérgicos.

 

alergia
Pantescal é um nutracêutico inovador capaz de aumentar a defesa contra alergias, por inibir a liberação de histaminas, mediadores pró-inflamatórios e diminuir os sintomas induzidos por alergenos.
Em um estudo clínico recente publicado no internacional immunopharmacology, Pantescal® foi capaz de inibir a degranulação induzida por alergenos em mastócitos e basófilos. A estabilização da membrana celular aumentada, induzida por administração oral com Pantescal® , levou a uma redução significativa de histamina e mediadores inflamatórios (redução de 60% dos marcadores plasmáticos induzidos por alergenos). Os resultados clínicos mostram que a suplementação com Pantescal pode melhorar a defesa natural contra alergias, especialmente em indivíduos afetados por alergenos ambientais e alimentares.
Pantescal® pode ser utilizado em suplementos alimentares e alimentos funcionais destinados a aumentar a defesa fisiológica em pacientes alérgicos.
• Inibe a liberação de mediadores inflamatórios (sulfidoleucotrienos);
• Inibe a expressão do biomarcador de degranulação da membrana (CD63)
• Eficaz para o tratamento de reações alérgicas induzidas por alergenos ambientais e alimentares;
• Seguro para o tratamento a longo prazo;
• Auxilia na dessensibilização de alergias. Por fortalecer o sistema imune;
• Atividade anti-inflamatória;
• Seguro para o uso em crianças e idosos.

 

 

Propriedades
Alergia pode ser considerada uma reação de hipersensibilidade imune-mediado causado por antígenos que normalmente são inofensivos ao organismo.
Indivíduos alérgicos quando expostos a esses alergenos formam um complexo entre antígeno e IgE, que se liga a receptores na superfície de mastócitos e basófilos. O que leva a degranulação celular e posteriormente a liberação da histamina e a síntese de muitos mediadores inflamatórios derivados do metabolismo do ácido araquidônico.
Alergias como rinite, urticária, eczema e asma são desordens inflamatórias induzidas por exposição e alergenos e reações mediadas por IgE.
A maioria dos tratamentos para alergia tem o objetivo de controlar e inibir os mediadores da resposta inflamatória. Os medicamentos utilizados são normalmente antagonistas de histamina para o alivio dos sintomas e corticosteroides para suprir a resposta alérgica. Porém o tratamento de longo prazo com esses medicamentos induzem diversos efeitos colaterais como sedação, dano psicomotor, toxidade cardíaca e efeitos anticolinérgicos periféricos (boca seca, retenção urinária) para os anti0histamínicos, Já para os cortiço-esteroides os efeitos mais comuns são osteoporose, desordens metabólicas e retardo no crescimento infantil.
Os mastócitos tem um papel importante na reação alérgica, assim um tratamento que tenha como alvo a estabilização dessas células, preservando a integridade fisiológica da membrana, evitando a degranulação e consequentemente a liberação de histamina e outros mediadores inflamatórios pelos mastócitos e basófilos.
A busca por uma alternativa para o controle de alergias que seja seguro e eficaz tem sido continua e o interesse por tratamentos como plantas medicinais tem sido bastante relevantes, uma vez que os índices de efeitos colaterais são baixos.
O extrato de C.spinosa apresenta uma ação contra antígenos e a histamina induzida no bronco espasmo e em eritema da pele. Os ginsenosídeos do Panax ginseng possuem uma atividade antialérgica potente inibindo a liberação de β-hexosaminidase dos basófilos. Também inibem a produção de óxido nítrico e prostaglandina E2 nos lipopolisacarideos dos macrófagos, sugerindo a estabilidade da membrana.

 

A atividade antialérgica da R.nigrum é registrada na cultura popular e foi demonstrada por aliviar sintomas nasal, as proantocianidinas são responsáveis por essa ação por reduzir as citocinas pró-inflamatórias e as moléculas de adesão endotelial. Os polifenóis encontrados na O. Europea são responsáveis por inibir a liberação de mediadores químicos envolvidos no processo de alergia e inibe a produção de citocinas pelos mastócitos e basófilos.

 

Avaliando o perfil desses componentes a Bionap® desenvolveu o Pantescal® e conduziu um estudo para avaliar a sua eficácia e segurança.

 

 

Mecanismo de ação
A degranulação dos basófilos é o evento primário na reação alérgica que leva a liberação de mediadores inflamatórios como histamina, triptase e a síntese de mediadores lipídicos recém-formados, como os sulfidoleucotrienos (SLT).
Pantescal® promove a estabilização da membrana do basófilo e mastócito diminuindo a resposta causada por alergenos aéreos que induzem a resposta alérgica. O reforço da membrana celular induzido pela suplementação do produto previne a degranulação e subsequente liberação de mediadores alergênicos.
O processo de degranulação do basófilo é dado principalmente pela proteína CD63 que fica dentro dos grânulos dos basófilos em repouso e quando ativado promove a degranulação celular e libera os mediadores inflamatórios, como SLT. O SLT é um importante mediador inflamatório derivado do metabolismo do ácido araquidônico e liberado por mastócito e basófilo dreganulado.
Portanto, Pantescal® reduz a inibição de biomarcadores alergênicos com proteína CD63 e SLT por melhorar a estabilidade da membrana celular.

 

 

Ações terapêuticas
• Antialérgico;
• Inibe a liberação de mediadores inflamatórios (sulfidoleucotrienos);
• Inibe a expressão do biomarcador de degranulação da membrana (cd63)

 

 

Reações adversas e contra-indicações:
Não há relatos até o momento, nas literaturas pesquisadas. Mas é sempre aconselhável consultar um profissional especializado à prescrição.

 

adfef

Compartilhar:

De todas as arvores leguminosas frutíferas dos trópicos, nenhuma é tão distribuída, e apreciada como ornamental do que o tamarindeiro. Arvore originaria da Índia, cultivada nas regiões tropicais da África e América como ornamental e para aproveitamento comercial dos frutos.

 

1-prisao-de-ventre

 

A tamarindo indica é encontrado em muitos países da Ásia e América do Sul. É rico em sais minerais, como cálcio, fósforo, ferro e cloro, além das vitaminas A, B1, B2 e C, fibras (celulose e pectinas), niacina e ferro. Possui também acido tartárico, ácido málico, e ácido oxálico, que são substancias laxantes. Os componentes proporcionam ações favoráveis ao organismo.

 

 

INDICAÇÕES:

- Ação laxativa;
- Antioxidante;
- Redução do colesterol
- Redução da glicemia;
- Auxiliar no controle de peso;

 

 

Os resultados de vários ensaios farmacológicos registraram para extratos da polpa dos frutos as atividades: antioxidante, antimicrobiana contra fungos e bactérias causadoras de dermatoses e infecções intestinais. A polpa de tamarindo e empregada especialmente como laxante suave no tratamento da prisão de ventre habitual e tem a propriedade de evitar a formação de cristais de oxalato de cálcio na urina.
Tem-se realizado estudos in vitro e em animais, ressaltando a atividade antimicrobiana (especialmente no trato urinário), a ação reguladora no transito intestinal.

 

 

Ação terapêutica
• Laxante e antiescorbútico.

 

 

Sinonímia Popular
• Tamarindo castelhana, cedro mimoso do Rio grande do Sul, Polpa de tamarindo, Tamarinda, Tamarindo do Egito, entre outros.

 
Indicações
• Prisão de ventre habitual, com ação laxativa ligeira, inflamações de garganta e estômago, e estados febris.

 

 

Reações adversas
• Não há relatos.

 

 

Precauções
• Não administrar na presença de obstrução intestinal ou íleo paralítico.

 

Consulte sempre um profissional habilitado à prescrição.

 

adfef

Compartilhar:

As proteínas são fundamentais para a recuperação muscular de um esportista ou atleta. As contidas nos alimentos carregam gorduras e carboidratos e, por isso, são absorvidas mais lentamente pelo organismo. Já as isoladas são isentas dessas moléculas, o que acelera a absorção. Os esportistas podem se beneficiar com a suplementação das proteínas isoladas do leite, da soja e da albumina (clara do ovo), principalmente se consumidas até 2h após o exercício.
Embora não influencie diretamente na perda de peso, o uso de proteínas isoladas resulta em menos gordura absorvida e, como consequência, menos calorias consumidas em relação a alimentos fonte de proteína.

 

muscle-food-shake-17032011

 

O consumo exagerado de proteína não aumenta o desempenho e nem no aumento da massa muscular. Assim como no caso do carboidrato, o excesso protéico se transforma em gordura
Já a falta de proteína afeta o sistema imune, causando diminuição no processo de recuperação das microlesões causadas pelo exercício, fadiga e cansaço, perda da massa muscular e queda no rendimento

 

E a proteína dos alimentos?
A inclusão de alimentos fonte de proteína na dieta pré-exercício é fundamental na utilização da energia durante as passadas. Isso porque a integridade dos músculos depende do aporte de proteínas

 

Proteínas em números
1,2g a 1,4g de proteína por quilo é o necessário para praticantes de exercícios de resistência. E 1,4g a 2,0g é o consumo indicado de proteína/kg para aqueles que se dedicam a atividades de força.

 

A dieta para o treinamento esportivo, de forma geral, consiste em:
65% de carboidratos, 15% a 20% de proteínas, Menos de 25% de gorduras.
Mas, lembre-se !Somente um nutricionista , se possível especialista na área, pode prescrever de forma correta e personalizada, a sua prescrição dietética, para chegar ao seu objetivo!

 

Escolha a sua!

 

Albumina – Estimula a hipertrofia muscular e tem absorção lenta – o que permite o consumo antes do sono. É importante não exagerar nas quantidades ingeridas, pois o excesso pode causar desconforto abdominal e essa contem muito sódio.

 

Caseína – É a proteína mais abundante do leite. Pode ser ingerida em diferentes períodos, para manter os aminoácidos na corrente sanguínea. É rica em cálcio, mineral importante na contração muscular e tem absorção lenta.

 

L-Glutamina – Consumida até meia hora depois do exercício, atua no sistema imunológico evitando infecções e mantendo o rendimento em exercícios de resistência. Também está ligada ao crescimento muscular e a perda de gordura abdominal.

 

Whey Protein isolado – Produzido a partir do soro do leite, é altamente digerível e rapidamente absorvido pelo organismo. Age contra os radicais livres ao estimular o aumento da glutationa, principal enzima antioxidante.

 

Vamos treinar?

 

rodape_post

Compartilhar:

Untitled-1-02

 

O Blog Fique Mais Bella também apoia a Campanha Outubro Rosa que é um movimento mundial de conscientização realizada por diversos entes no mês de outubro dirigida a sociedade e as mulheres sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. O movimento começou a surgir em 1990 na primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, hoje é realizado no mundo inteiro.
Durante a semana de 13 a 18 de Outubro o blog será destinado a informação e conscientação com matérias exclusivas de profissionais ligados ao Câncer de Mama, iniciando a campanha com um depoimento de uma História de Superação.

 

blog-01

 

Em conjunto a campaha “Um toque, um ato de amor”, a Farmácia Acqua Bella estará arrecadando verba para a Instituição Vencer. A A.V.C.C.U., Associação dos Voluntários de Combate ao Câncer de Uberaba, fundada em Dezembro de 1998 é uma entidade filantrópica, sem fins lucrativos. A Diretoria e o corpo de voluntários desenvolvem um trabalho não remunerado de apoio e ajuda às pessoas portadoras de câncer.

 

A maior atuação da A.V.C.C.U. é no Hospital Dr. Hélio Angotti e tem como objetivos: Atuar no combate ao câncer nas áreas de educação, prevenção, diagnóstico, tratamento e reabilitação; atendendo pacientes em regime interno e externo.

 

O projeto conta com 10 madrinhas que ajudarão na disseminação e apoio da campanha. Conheça elas:

 

madrinhas-01

 

A Farmácia Acqua Bella estará vendendo durante esta semana de 13 a 18 de Outubro um Hidratante para os Pés no valor de R$20,00 onde 100% dessa venda será doada para a Instituição Vencer o Câncer, você também pode adquirir este produto e ajudar com as nossa madrinhas!

 

adfef

Compartilhar:
123
Perfil
Mona Lisa Bevilacqua

Empresária, Graduada em Farmácia Industrial, Pós-graduada
em Manipulação Magistral Alopática, MBA em
Cosmetologia e
com cursos de
cosméticos realizados
em Paris e Mônaco.
Saiba Mais
Chat Online
LiveZilla Live Chat Software
LiveZilla Live Chat Software
Horários de atendimento para Orçamento Online:
De seg. a sex. das 08h às 18h.
Sábado. das 08h às 13h.
Newsletter
Fique por dentro das novidades.
Loja Virtual
Mais Acessados


Contato

34 3331-0500
Avenida Santos Dumont, 1050
Uberaba / MG - CEP 38060-600
Sobre o Blog

Este é um canal de comunicação da Farmácia AcquaBella com todos os nossos públicos: Clientes, Colaboradores, Sociedade e Fornecedores.
Farmácia AcquaBella © Todos direitos reservados 2014.