Atualmente é comum nos queixarmos de desânimo sem explicação ou falta de motivação para tarefas do cotidiano. De origem emocional ou física, ela pode atingir crianças e adultos o que compromete o desempenho na escola, no trabalho e nas relações interpessoais do dia a dia, tornando todas as atividades antes prazerosas, em obrigações desgastantes e chatas.

Com a correria do cotidiano, é cada vez mais comum que as pessoas realizem refeições cada vez mais rápidas e com poucos nutrientes, sendo essa também uma causa das alterações do funcionamento do organismo, o que pode desencadear outras doenças como hipertensão, fobias e ansiedade, problemas cardíacos e gastrite.

Um polivitamínico bem elaborado auxilia nos sintomas caso esse cansaço ocorra devido a deficiência de micronutrientes, como vitaminas, minerais ou aminoácidos. Dentro de uma formulação para atuar como suplemento podemos destacar:

– Piridoxina
– Vit B6
– Tiamina
– Vit B1
– Riboflavida
– Vit B2
– Cianocobalamina
– Vit B12
– Nicotinamida
– Vitamina E
– Vitamina C
– Cobre
– Pantotenato de Cálcio
– Zinco quelado
– Ginseng
– Guarana
– Ácido Fólico
– Sulfato de Zinco

Lembrando que um polivitamínico não substitui uma alimentação balanceada, porém em alguns casos é necessário essa suplementação pois a deficiência pode acarretar os seguintes sintomas: falha de memória, insônia, irritabilidade, choro com facilidade, desânimo, tristeza, angústia, azia, má-digestão, palpitação e diminuição do desejo sexual.

 

Compartilhar:

 

Hoje muito se fala sobre Cortisol, que elevado, está associado ao aumento do depósito de gordura e a degeneração dos neurônios que geram termogênese.

O aumento dos níveis do hormônio do estresse, o cortisol, foi diretamente relacionado com o aumento da ingestão de alimentos e doces calóricos. É também conhecido que o estresse aumenta a insônia, a ansiedade e a fadiga.

Produzido pelas glândulas suprarrenais, que estão localizadas nos rins, o cortisol serve para ajudar o organismo a controlar o estresse, reduzir inflamações e auxiliar no funcionamento do sistema imune, além de manter os níveis de açúcar no sangue constantes, assim como a pressão arterial.

Em níveis altos, vai estar acompanhado de adrenalina, que por sua vez vai levar a uma vasoconstrição generalizada, ressecando a pele, diminuindo a irrigação do couro cabeludo, causando a queda de cabelo e o efeito quebradiço das unhas.

Além disso, o cortisol alto bloqueia a pregnenolona, hormônio mais presente no cérebro. É por isso que o indivíduo começa a ter perda de memória recente e de concentração.

Essa mesma adrenalina durante a noite, deixa o corpo agitado e provoca consequências como a falta de produção de melatonina a nível hipofisiário, interferindo na qualidade do sono.

A perda de massa muscular, aumento de peso, diminuição de testosterona, todas decorrentes da “mágica” que ele faz com o nosso sono, responsável pela produção de hormônios ligados à estes sintomas.

Se o cortisol estiver baixo, entretanto, depressão, cansaço e fraqueza são algumas das principais respostas que o nosso corpo dá para o problema. Para isso, é necessário a modulação dos níveis de Cortisol.

Compartilhar:

Agora combater o estresse e a ansiedade ficou muito gostoso!

A Jujuba Zen foi desenvolvida para te proporcionar efeito calmante e anti-ansiedade. Seus compostos fitoterápicos, como a Passiflora, Melissa e Valeriana, combatem a ansiedade e o estresse. Já o Hidroxitriptofano, um aminoácido precursor do hormônio de serotonina, vasoconstrutor e neurotransmissor, influencia no humor, no apetite e no sono.

Peça a sua e comece a desfrutar de uma vida mais tranquila e calma!

Zero açúcar ❤

Compartilhar:

 

Por esta você não esperava! ❤

Desenvolvemos exclusivamente para você, um bombom que combate a vontade de comer doces!

Seus ingredientes acabarão de vez com aquela necessidade de um docinho depois do almoço ou naquele fim de tarde estressante. E o melhor de tudo? Em um bombom com chocolate 70% cacau!

Tá curioso pra saber como funciona? Conheça os benefícios de cada um dos ingredientes:

Picolinato de Cromo:
– Ajuda a manter os níveis normais de glicose (açúcar) no sangue;
Queima gordura e acelera a perda de peso corporal;
– Essencial no processamento de proteínas (efeito anabólico);
– Reduz os riscos de doenças cardíacas;
– Aumento da definição muscular;
– Participa na formação da massa muscular;
– Ajuda a levar as proteínas aos lugares onde são necessárias;
– Funciona, com a insulina, no metabolismo do açúcar.

Garcinia:
– Inibi o acúmulo de gordura nos adipócitos (adipogênese);
– Proporciona a lipólise (quebra de gordura);
– Promove uma redução de gordura visceral e periférica;
– Atua na prevenção e tratamento da obesidade, doenças cardiovasculares e diabetes.

Gimena:
– Contribui no controle da diabetes regulando as taxas de glicose no sangue, diminuindo assim, a vontade de ingerir doces;
– Diurética;
Aumento do metabolismo da pessoa (o corpo queima mais calorias);
– Alguns estudos sobre o tratamento da obesidade utilizam a Gimena justamente pelo efeito redutor no sabor doce, que pode durar até 2 horas.

Chocolate 70% Cacau:
– Protege contra doenças cardíacas e acidente vascular cerebral;
Reduz o risco de câncer de cólon;
– Contêm gorduras saudáveis;
Controla o açúcar no sangue;
– Melhora o humor;
– Contêm antioxidantes;
– Contêm teobromina (diminui o risco de cáries);
Ricos em vitaminas e minerais.

Compartilhar:

iogurte pool

 

 

A microbiota intestinal contribui para o bem estar do organismo hospedeiro. Os trilhões de micro-organismos que colonizam o trato gastrointestinal influenciam os processos locais e sistêmicos, como transformação de nutrientes, fornecimento de vitaminas, maturação da imunidade mucosa, a comunicação intestino-cérebro, e mesmo a progressão tumoral.

 

A função adequada da microbiota intestinal depende de uma composição celular estável. A redução da diversidade microbiana e da proliferação de Proteobactérias são características da disbiose. Um número crescente de doenças está associado à disbiose intestinal, como doenças inflamatórias intestinais, tais como colite ulcerativa e Doença de Crohn, distúrbios metabólicos, obesidade, doenças autoimunes, distúrbios neurológicos, etc.

 

Nosso Iogurte Pool de Lactobacillus é composto por IBS Care – uma combinação única de 8 cepas probióticas liofilizadas (Lactobacillus acidophilus + L. plantarum + L. paracasei + L. delbrueckii + Bifidobacterium lactis + B. longum + B. infantis + Streptococcus thermophilus) recomendado para o tratamento inicial da disbiose intestinal.

 

IBS Care 8 proporciona equilíbrio para o microbioma intestinal, melhora a digestão e ainda aumenta o sistema imune intestinal. IBS Care é indicado para recuperação da saúde digestiva antes de iniciar qualquer tipo de tratamento contra diversas doenças.

 

Indicado para homens, mulheres e crianças.
Valor: 134,90. Rende 30 porções.
Enviamos para todo o Brasil.

Compartilhar:

Turkesterona é um ecdisteróide, uma substância similar a esteróides anabólicos que não apresenta efeito androgênico. Promove o metabolismo de lipídeos, carboidrato e crescimento muscular, regula os níveis de testosterona até a sua estabilização, favorecendo a desempenho esportivo.

Turkesterona é um ecdisteróide1 que promove a síntese de proteínas, mantém o metabolismo anabólico, aumenta a massa muscular, enquanto diminui o tecido adiposo. Ecdisteróide conduz a atividade anabólica em músculo esquelético, desse modo organiza a proliferação celular, melhora a função secretora do fígado e também apresente efeito imunomodulador.

O crescimento muscular é promovido por ter uma melhor retenção de nitrogênio e também na metabolização de proteínas reduzindo o catabolismo e aumentando o anabolismo de proteínas em 20%. Turkesterona tem um efeito anabólico na síntese de proteínas por acelerar o processo de translocação.

Ação terapêutica:

– Aumenta a síntese e assimilação de proteínas para contração muscular

– Aumenta a massa muscular

– Substituto da testosterona

– Melhora na função cardíaca

– Previne infecções

Propriedades:

– Ajuga Turkestanica é uma planta perene que cresce na Ásia Central, é conhecida como uma fonte rica de substãncias bioativas, muito utilizadas para o tratamento de doenças cardíacas, dores estomacais e musculares.

– Turkesterona é um ecdisteróide, um hormônio fitoesteroidal que apresenta efeito positivo no metabolismo de lipídios, colaborando para o aumento da performance esportiva.

Mecanismo de Ação:

– Inúmeros suplementos nutricionais são ergogênicos, que aumentam a resistência ao treino nos esportistas e o aumento de força ao longo do treino.

– Turkesterona é um ecdisteróide que promove a síntese de proteínas, mantém o metabolismo anabólico, aumenta massa muscular, enquanto diminui o tecido adiposo. Ecdisteróide conduz a atividade anabólica em músculo esquelético, desse modo organiza a proliferação celular, melhora a função secretora no fígado e também apresenta efeito imunomodulador.

– O crescimento muscular é promovido por ter uma melhor retenção de nitrogênio e também na metabolização de proteínas reduzindo o catabolismo e aumentando o anabolismo de proteínas em 20%. Turkesterona tem um efeito anabólico na síntese de proteínas por acelerar o processo de translocação.

Compartilhar:

Quem sofre de insônia sabe o quanto é ruim deitar na cama e o sono não vim. E para ajudar à todos que sofrem deste mal, listamos 15 dicas para combater a insônia e ter aquela noite de sono mais do que merecida:

1- Crie uma rotina e tenha regularidade no horário de dormir
2- Prepare seu quarto de maneira que fique aconchegante
3- Tome um banho relaxante em uma temperatura amena antes de deitar
4- Faça uso de roupas de cama macias, cheirosas e de cores claras
5- Retire todo tipo de luz e eletrônicos que possam clarear o quarto
6- Não fique assistindo televisão nem usando o celular
7- Procure deixar a casa calma, livre de barulhos e ruídos perturbadores
8- Evite praticar exercícios próximo ao horário de dormir
9- Medite, para reduzir a tensão corporal e a ansiedade
10- Somente ir para cama quando estiver realmente com sono
11- Evite alimentos pesados, cafeinados e principalmente álcool
12- Evite o ócio durante o dia e faça atividades físicas
13- Evite pensamentos estressantes que podem desviar sua atenção
14- Evite cochilar durante o dia, isso irá ajudar a dormir melhor a noite
15- Tome uma bebida morna e relaxante

Compartilhar:

Bulbine Natalensis é uma planta nativa, originária da África do Sul, da família Asphodeloideae. É uma planta suculenta, ou seja, uma planta carnuda capaz de reter água em climas secos na maior parte e caracteriza- se por mudas de flores amarelas que são usadas em decorações de jardins.
Bulbine natalensis, foi durante anos usados na medicina popular para tratar a impotência e disfunção erétil. Tem mostrado efeitos hormonais consistentes, promovendo aumento de níveis de testosterona e hormônio luteinizante , melhorando a libido e o desempenho sexual.
Para os homens, os níveis de hormônio tem uma ampla gama de benefícios tais como: aumentar os níveis de testosterona, potencializar a libido e a fertilidade, aumentar a força e os ganhos de massa muscular magra, os níveis de energia e a resistência, melhoria a recuperação pós exercício, maior proporção de músculo para gordura.

INDICAÇÕES:
– Aumento de massa muscular magra
– Maior energia e resistência
– Aumento da força
– Melhor recuperação pós-exercício;
– Aumento da libido e desempenho sexual

Além disso, as folhas, raízes e seiva são usadas, respectivamente, para uma variedade de
doenças: para o tratamento de picadas de insetos, picadas de mosquito, bolhas, feridas,
úlceras na boca, pele rachada, para aliviar as queimaduras solares, desinfetar cortes e para
acelerar a cura de contusões. Bulbine natalensis foi usada com segurança por milhares de
anos na África do Sul, o que lhe conferiu o status de “medicina tradicional” sendo
considerada segura para uso.

INTERAÇÃO DE BULBINE COM OS HORMÔNIOS

1 . Testosterona

Um estudo foi realizado com ratos Wistar machos alimentados com Bulbine natalensis ( extrato aquoso do caule ) , que constatou aumento de testosterona circulante com doses de 25 , 50 e 100mg/kg de peso corporal . Os parâmetros de interesse não foram dosedependente,
e segue uma curva de sino; peso corporal com 50mg/kg de peso corporal, sendo a mais eficaz , seguido de 25mg/kg e 100mg/kg
Com o grupo de controle apenas abaixo 1ng/mL testosterona circulante , a dose mais eficaz ( 50mg/kg ) aumentou a testosterona em aproximadamente 3.3ng/mL ( dia 1 ) , 4.2ng/mL ( dia 7 ) , e 4.4ng/mL ( dia 14). níveis testiculares de testosterona seguiu um
padrão semelhante, e em ambos o sangue e testamos a melhor dosagem foi de 50mg/kg seguida de 25mg/kg e 100mg/kg .
Outros estudos que analisam os níveis de testosterona observam aumento de até 34,6 % do nível de controle em ratos machos em 50mg/kg peso corporal, embora 100mg/kg tem sido associada com uma queda não significativa nos níveis de testosterona abaixo de controle.
A testosterona é confiável e reforçada em ratos, sendo bastante potente também. No entanto, as doses mais elevadas de 100mg/kg parecem ser tão potentes com 25mg/kg ou pior do que nada , diminuindo a testosterona . Dose é muito importante aqui, e uma curva de sino toxicológico existe Mecanicamente , a suplementação da dose ativa ( peso corporal 25-50mg/kg Bulbine natalensis ) está associada com um aumento das atividades de fosfatases alcalinas e ácidas .A atividade das enzimas fosfatase correlacionada tanto com aumentos de testículo e de testosterona.

Obteve-se um aumento do tamanho dos testículos ( 2-2,9 vezes maior do que o controle) , bem como aumentou o teor de glicogênio , a proteína e o ácido siálico foi observado em testículos de rato juntamente com o aumento dos níveis de testosterona testicular , depois de cerca de 7-14 dias após a suplementação de Bulbine natalensis.

2. Hormônio Luteinizante

LH demonstrou ser aumentada com Bulbine natalensis em ratos machos , e parece ser mais drástica ao longo do tempo , em vez de um efeito agudo . O único estudo que demonstrou aumentos de LH observou-se que a melhor dose ( 50mg/kg de peso corporal ) aumentou LH para 2ng/ml (com controle em torno 0.6ng/mL ) no dia 1, mas para 7ng/mL no dia 14.

3. Hormônio folículo-estimulante

Folículo – estimulante (FSH), também foi aumentado em ratos machos após o consumo de Bulbine natalensis , e semelhante ao Hormônio Luteinizante parece ser mais eficaz durante um longo período de tempo, mas com menos variação ao longo do tempo. Aumenta de 7 + / -0.2ng/mL para 11,2 + / -0.08ng/mL foram notados com 50mg/kg de peso corporal.

4. Progesterona
Aumentos de progesterona têm sido observados com 25mg/kg ( +31 %) e 50mg/kg (+70%). Uma diminuição de 41 % é considerado com 100mg/kg de peso corporal Bulbine natalensis .

5. A prolactina

Em doses de 25 , 50 e 100mg/kg de peso corporal em ratos não parecem influenciar significativamente as concentrações de prolactina no soro de ambos os sexos de ratos.

6. Estrógeno

O estrógeno parece ser diminuído em ratos machos após a suplementação de Bulbine natalensis diminuindo a 79,7 % do controlo a 25mg/kg , 65,1 % do controlo a 50mg/kg de peso corporal , e 76,7 % do controlo a 100mg/kg de peso corporal . Niveis de estradiol circulante na fora afetados em ratas.

INTERAÇÕES COM ÓRGÃOS

1. Fígado
Um estudo toxicológico em ratos descobriu que a ingestão oral de 25 , 50 e 100mg/kg de peso corporal foi capaz de alterar as enzimas hepáticas e induzir alterações histológicas que são conhecidos por ser adversos. Os efeitos adversos sobre enzimas hepáticas aumentaram dose-dependente e ao longo do tempo.

2. Rins

Após a ingestão de 25, 50 e 100mg/kg de peso corporal Bulbine natalensis em ratos saudáveis , o exame histológico dos túbulos do rim observou distorções na arquitetura que pode ser indicativo de alguns efeitos tóxicos.

Bulbine natalensis é uma das poucas ervas que aumentam os níveis de testosterona e abaixam os níveis de estrógeno.

 

Referências Bibliográficas
1.Effect de extrato aquoso de Bulbine natalensis (Baker) tronco sobre o comportamento sexual de ratos machos.
2.Atividades 2.Anabolic e androgênicos de Bulbine natalensis-tronco em ratos Wistar machos.
3.Reproductive avaliações toxicológicas de Bulbine natalensis Baker-tronco extrato em ratos albinos.
4.Effect de Bulbine natalensis Baker-tronco extrato nos índices funcionais e histologia do fígado e rim de ratos Wistar machos.
5.Orientação para o Setor A estimativa do Seguro máxima Dose Inicial de Ensaios Clínicos Iniciais para Therapeutics em adultos voluntários saudáveis
6.Segurança de Curto Prazo de natalensis suplementação Bulbine em homens saudáveis
7.Yakubu MT, Afolayan AJ . Anabolizantes androgênicos e atividades de Bulbine natalensis -tronco em ratos Wistar machos . Pharm Biol . (2010 )
8.Pather N, Viljoen AM, Kramer B. Uma comparação bioquímica dos efeitos in vivo de frutescens Bulbine e Bulbine natalensis na cicatrização de feridas cutâneas . J Ethnopharmacol . (2011)
9.Yakubu MT, Afolayan AJ . Efeito do extrato aquoso de Bulbine natalensis ( Baker) tronco sobre o comportamento sexual de ratos machos. Int. J. Androl . (2009 )

 

34dadf4e-6691-4daf-bedd-df409d2901d8

Compartilhar:

 

 

OR IMPROVED CONTROL OF CHILDHOOD ASTHMA WITH LOW-DOSE, SHORT-TERM VITAMIN D SUPPLEMENTATION: A RANDOMIZED, DOUBLE-BLIND, PLACEBO-CONTROLLED TRIAL /  6 OUTRUBRO 2017 / ESTUDO CIENTÍFICO

A resistência ou insensibilidade aos glicocorticoides é a maior barreira no tratamento de várias doenças inflamatórias comuns, incluindo a asma. O uso de vitamina D para restaurar a resposta da interleucina-10 foi implícito como um mecanismo para controlar a asma resistente a glicocorticoides, podendo também ser promissor na prevenção primária da asma e na redução das exacerbações da doença.

Em estudos prévios que avaliavam o uso de vitamina D na prevenção de influenza em crianças, na qual mais da metade tinha asma, foi observada uma redução da frequência dos ataques de asma após a suplementação em comparação com o placebo.

 

Objetivo do Estudo

 

 

Tachimoto et al.(2016) e colaboradores conduziram um estudo randomizado, duplo-cego e placebo-controlado com o objetivo de avaliar se a suplementação a curto prazo com baixas doses de vitamina D, em adição ao tratamento padrão melhora o controle da asma infantil.

Para isso, 89 crianças com asma receberam 800 UI/dia de vitamina D3 ou placebo durante 2 meses. Os parâmetros avaliados foram a frequência e a gravidade da asma determinados pelas alterações dos níveis de controle da asma definidos pela Iniciativa Global para Asma (GINA).

 

Resultados

 

 

Aos 2 meses, o controle de asma GINA foi significativamente melhorado no grupo que recebeu vitamina D em comparação com o grupo que recebeu placebo (P=0,015). O teste de controle de asma na infância (CACT) obteve um resultado secundário onde os resultados também foram significativamente melhores no grupo da vitamina D (P=0,004), em comparação com o grupo placebo aos 2 meses e manteve diferenças significativas aos 6 meses (P=0,012). A proporção de pacientes com uma taxa de pico de fluxo expiratório <80% do previsto foi significativamente menor no grupo da vitamina D (8/54: 15%) do que no grupo placebo (12/35: 34%) aos 6 meses (P=0,032).

Conclusão

Os pesquisadores concluíram que baixas doses de vitamina a curto prazo em adição ao tratamento padrão, podem melhorar os níveis de controle da asma em crianças em idade escolar.

 

Fonte: http://www.hinutrition.com.br/Noticia/Post/2241

 

 

5cd11937-d9f6-499a-8cdc-5102efed024a

Compartilhar:

97499bce-5953-452b-9807-4fb9e71f19ad

 

SILIMARINA

Impede a peroxidação dos lipídeos da membrana celular e das organelas dos hepatócitos, protegendo, desta forma, a integridade e a função hepática de eventuais substâncias tóxicas, tanto de origem endógenas como exógenas. Age aumentando a síntese de RNA mensageiro, o que acelera a síntese protéica. É utilizada no tratamento de hepatopatias crônicas, cirrose, esteatose e lesão hepatotóxicas, produzindo melhora dos sintomas clínicos (cefaléia, astenia, anorexia, distúrbios digestivos, entre outros). Sua associação com DL-metionina é capaz de reduzir ou impedir a infiltração gordurosa e a cirrose no fígado.

Propriedades:

– Hepatoprotetor;

– Antioxidante;

– Antiinflamatório e regenerativo;

– Estabilizador de membrana e regulador da permeabilidade celular;

– Citoprotetor;

– Regulador metabólico;

– Colagoga e colerética;

Indicações:

– Coadjuvante no tratamento de inflamações hepáticas crônicas e cirrose hepática;

– Lesão hepática induzida por toxinas;

– Hepatopatia alcoólica;

– Hepatite viral aguda e crônica;

– Transtornos dispépticos: úlceras gástricas e duodenais;

– Distúrbios gastrintestinais.

 

FOSFATIDILCOLINA:

Fosfatidilcolina tem atividade hepatoprotetora. A Fosfatidil Colina é importante para a composição e reparação normal da membrana celular. A Fosfatidil Colina é também o maior responsável pelo abastecimento do nutriente essencial colina. Colina é um precursor na síntese do neurotransmissor acetilcolina, o metil doador betaína e fosfolipídios, incluindo Fosfatidil Colina e sfingomielina entre outros. Fosfatidil Colina está envolvida na exportação hepática de lipoproteínas de muito baixa densidade.

 

METIONINA:

A Metionina é indicada no tratamento de transtornos do metabolismo do fígado, como em casos de gordura no fígado de origem não-alcoólica.

 

ALCACHOFRA:

O aumento da eficiência metabólica do fígado se deve aos compostos polifenóicos, enquanto que a cinarina abaixa significativamente a taxa de colesterol através de uma estimulação metabólica enzimática, além de possuir propriedades anti-hepatotóxicas. Portanto, a alcachofra é usada para casos de hiperlipidemia e ateromatose no interior dos tecidos adipóides.

A ação protetora e regeneradora das células hepáticas (hepatócitos) é obtida pelos flavonóides e glialcooliterpênicos que estimulam a síntese enzimática básica do metabolismo hepático.

Na uremia (uréia sanguínea), a cinarina melhora a excreção da amônia através de um aumento da produção de ácido úrico pelo epitélio renal.

A ação diurética auxilia a eliminação de uréia e de substâncias tóxicas decorrentes do metabolismo celular, conferindo assim à alcachofra a ação depurativa.

O amargor da cinaropicrina aumenta a secreção gástrica e sua acidez.

A alcachofra não dissolve os cálculos biliares, mas diminui as cólicas, exercendo um efeito preventivo em pessoas predispostas a desenvolverem litíase.

A oxidase (enzima hidrossolúvel) é provavelmente a responsável pela ação redutora da taxa de glicose sanguínea (hipoglicemiante) da alcachofra.

 

 

Referências Bibliográficas

1. Batistuzzo J. A. O. Itaya M. Eto Y. FORMULÁRIO MÉDICO FARMACÊUTICO. 3ª edição. São Paulo:Tecnopress, 2006.

2. Benda L., Dittrich H., Ferenzi P., Frank H., Wewalka F. (author’s transl) The influence of therapy with silymarin on the survival rate of patients with liver cirrhosis. Wien Klin Wochenschr. 1980 Oct 10;92(19):678-83.

3. Feher J., Deak G., Muzes G., Lang I., Niederland V., Nekam K., Karteszi M. Liver-protective action of silymarin therapy in chronic alcoholic liver diseases Orv Hetil. 1989 Dec 17;130(51):2723-7.

4. Gupta OP., Sing S., Bani S., Sharma N., Malhotra S., Gupta BD., Banerjee SK., Handa SS. Anti-inflammatory and anti-arthritic activities of silymarin acting through inhibition of 5-lipoxygenase. Phytomedicine. 2000 Mar;7(1):21-4. Regional Research Laboratory (CSIR) Jammu Tawi, India.

Compartilhar:
Perfil
Mona Lisa Bevilacqua

Empresária, Graduada em Farmácia Industrial, Pós-graduada
em Manipulação Magistral Alopática, MBA em
Cosmetologia e
com cursos de
cosméticos realizados
em Paris e Mônaco.
Saiba Mais
Chat Online
LiveZilla Live Chat Software
LiveZilla Live Chat Software
Horários de atendimento para Orçamento Online:
De seg. a sex. das 08h às 18h.
Sábado. das 08h às 13h.
Newsletter
Fique por dentro das novidades.
Loja Virtual
Mais Acessados


Contato

34 3331-0500
Avenida Santos Dumont, 1050
Uberaba / MG - CEP 38060-600
Sobre o Blog

Este é um canal de comunicação da Farmácia AcquaBella com todos os nossos públicos: Clientes, Colaboradores, Sociedade e Fornecedores.
Farmácia AcquaBella © Todos direitos reservados 2014.