A combinação entre drenagem linfática e gestação não poderia ser mais perfeita: ajuda a relaxar, alivia inchaços típicos da gravidez, reduz o acúmulo de retenção liquida,previne e combate varizes, celulite e estrias.
Conforme os meses passam, o acúmulo de líquido e o inchaço aumentam e a circulação pode ficar comprometida. Muitas gestantes utilizam meias de compressão e dormem com os pés elevados para ajudar a amenizar os desconfortos e estimular a circulação periférica.

 

ggghh

 

A recomendação é para que a grávida inicie as sessões depois do terceiro mês de gestação e ela não pode ser portadora de algumas doenças como hipertensão não controlada, trombose venosa insuficiência renal, trombose venosa profunda ou qualquer problema no sistema linfático.
Mas todo cuidado é pouco. Para alcançar os efeitos desejados é fundamental que o procedimento seja executado somente por profissional especializado. Se a drenagem linfática for realizada de maneira inadequada, poderá comprometer a circulação, causar hematomas, dores intensas, eritema (vermelhidão), deslocamentos de trombos, microvarizes, além de piorar a celulite.Além disso, pode estimular contrações uterinas e causar a precipitação do parto a partir do sexto mês de gestação

 

Preparamos um “tira-dúvidas” sobre drenagem linfática:


Quais são os benefícios da drenagem linfática para a gestante?
•Melhora a nutrição das células e a oxigenação dos tecidos;
•estimula a circulação venosa e linfática; reduz a retenção de líquido;
•diminui os inchaços típicos da gravidez;
•estimula a lactação e a dessensibilização das mamas, preparando-as para a amamentação;
•previne e combate varizes e sensação de pernas cansadas;
•Combate celulite e estrias; alivia tensões e reduz dores musculares.

 

É possível fazer drenagem linfática a partir de quantas semanas de gestação?
É fundamental que a gestante passe por uma avaliação médica antes de iniciar o tratamento, até para que seja feita a indicação correta da drenagem linfática. As sessões podem ser iniciadas a partir do terceiro mês, cerca de duas vezes por semana. Em casos de edemas exacerbados, a gestante poderá fazer até três sessões semanais

 

Existe alguma contraindicação?
Grávidas com hipertensão não controlada, insuficiência renal, trombose venosa profunda, infecções de pele e erupções cutâneas não são aconselhadas a realizar este procedimento.

 

Quanto tempo após o parto a mulher pode fazer uma sessão de drenagem linfática? Ajuda a voltar a forma?
Após o parto também é interessante que a gestante busque este tipo de tratamento, pois vai reduzir o inchaço e liberar toxinas, ajudando a mamãe a reduzir medidas. Lembre-se! A drenagem linfática não emagrece

 

Dicas úteis para depois da drenagem linfática
•Beba cerca de 2 litro de água por dia;
•Diminua a quantidade de sal da comida. Troque-o por ervas aromáticas;
•Caminhe pelo menos meia hora por dia;
•Prefira frutas, legumes e carnes magras;
•Evite frituras e refrigerantes;
•Use roupas confortáveis.

 

g

Compartilhar:
Perfil
Mona Lisa Bevilacqua

Empresária, Graduada em Farmácia Industrial, Pós-graduada
em Manipulação Magistral Alopática, MBA em
Cosmetologia e
com cursos de
cosméticos realizados
em Paris e Mônaco.
Saiba Mais
Chat Online
LiveZilla Live Chat Software
LiveZilla Live Chat Software
Horários de atendimento para Orçamento Online:
De seg. a sex. das 08h às 18h.
Sábado. das 08h às 13h.
Newsletter
Fique por dentro das novidades.
Loja Virtual
Mais Acessados


Contato

34 3331-0500
Avenida Santos Dumont, 1050
Uberaba / MG - CEP 38060-600
Sobre o Blog

Este é um canal de comunicação da Farmácia AcquaBella com todos os nossos públicos: Clientes, Colaboradores, Sociedade e Fornecedores.
Farmácia AcquaBella © Todos direitos reservados 2014.